Política
Economia
Clube Entretenimento
Entretenimento
Concursos
Downloads
Postada em 24/01/2021 ás 17h23 - atualizada em 25/01/2021 ás 09h51

Em protesto, motoristas e cobradores paralisam frota de ônibus em Teresina

A categoria cobra o pagamento dos Tickets alimentação e do plano de saúde aos trabalhadores rodoviários, que esta atrasada.
Em protesto, motoristas e cobradores paralisam frota de ônibus em Teresina
Foto: Reprodução

Motoristas e cobradores de ônibus cruzam os braços a partir das 5h da manhã de segunda-feira (25) em Teresina. A informação foi confirmada neste domingo (24) pelo presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Transportes Rodoviários no Estado do Piauí (Sintetro), Ajuri Dias.

A ação faz parte do protesto da categoria, que cobra o pagamento dos Tickets alimentação e do plano de saúde aos trabalhadores rodoviários, que estaria em atraso. Segundo Ajuri Dias, foi firmado um acordo com o superintendente de Transportes e Trânsito de Teresina (Strans), Bruno Pessoa, no qual ficou definido que esses benefícios seriam pagos à categoria.

O presidente do Sintetro destaca que o acordo foi homologado no Tribunal Regional do Trabalho do Piauí (TRT-PI) e pontuou que a Prefeitura deve honrar o compromisso firmado. Ajuri Dias contou ainda que a Strans teria informado que o pagamento já estaria na Secretaria de Finanças, mas que os benefícios ainda não foram repassados aos trabalhadores.

“Vamos parar geral, o sistema todo. A partir de 5 horas da manhã. Estamos tentando conversar com o Bruno Pessoa para termos uma audiência com o prefeito de Teresina, Dr. Pessoa, para acertarmos essa situação e que voltem a pagar novamente o acordo feito anteriormente”, completou.

Por meio de nota, a Strans destacou que, no dia 13 de janeiro deste ano foi feita uma reunião com a categoria, mas que não foi firmado nenhum acordo com relação ao pagamento de ticket alimentação nem sobre o plano de saúde. 

Confira a nota da Strans na íntegra:

A Superintendência de Transportes e Trânsito de Teresina (Strans) vem a público repudiar nota publicada pelo Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Transportes Rodoviários no Estado do Piauí (Sintetro) na qual a entidade atribui ao superintendente em exercício da Strans, Bruno Pessoa, a responsabilidade em realizar pagamento de Ticket Alimentação e Plano de Saúde aos trabalhadores rodoviários no Piauí.

A Strans afirma que o conteúdo da nota expedida pelo Sintetro não corresponde à verdade. No dia 13 de janeiro de 2021, os representantes do Sintetro foram recepcionados pelo superintendente para tratar das demandas referentes à categoria, mas em nenhum momento se tratou de pagamento de Ticket Alimentação e Plano de Saúde aos trabalhadores rodoviários no Piauí até porque não é da competência da Strans.

Dessa forma, a Strans, ao tempo em que manifesta seu repúdio ao conteúdo da nota divulgada pelo Sintetro, deixa claro que está à disposição para prestar quaisquer esclarecimentos.

Comentários
Geral
  • Lateral - Vem pro parque - Home 03
Teresina - PI
Atualizado às 19h12
30°
Muitas nuvens Máxima: 31° - Mínima: 22°
34°

Sensação

7 km/h

Vento

70%

Umidade

Fonte: Climatempo
  • Amarração Hotel (atualizado 31-07)
Senado Federal
  • Ban - Lateral - Momentos Cidade Junina
Facebook
Clube Notícias - Piauí, Teresina, Meio Norte, Nordeste, Parnaíba, Picos, Campo Maior, Piripiri, cotidiano, economia, política, saúde, educação e entretenimento
© Copyright 2021 - Clube Notícias - Todos os direitos reservados
desenvolvido por: Site desenvolvido pela Lenium
Envie-nos uma mensagem!WhatsApp