Política
Economia
Clube Entretenimento
Entretenimento
Concursos
Downloads
Postada em 19/03/2021 ás 10h53 - atualizada em 14/04/2021 ás 17h39

Lendas e mistérios do interior do Piauí são contadas em série na internet

A série tem o objetivo de deixar viva na memória histórias como as que eram contadas entre família.
Lendas e mistérios do interior do Piauí são contadas em série na internet
Foto: Reprodução

Quando criança, Bruno Paes, que nasceu em São Raimundo Nonato e também vivia em São Braz do Piauí, cidades ao Sul do Estado, reunia a família em volta de uma fogueira e era naquele momento que ficavam até tarde da noite contando histórias diversas. Esse já era um costume da família que foi levado para o meio digital. Bruno, hoje diretor geral da série 'Causos de Medo', revela que essas histórias tiravam-lhe o sono da noite.

A série tem o objetivo de deixar viva na memória histórias como as que eram contadas entre família e que vêm perdendo espaço na cultura local. Baseado em depoimentos reais, a primeira temporada do projeto trouxe três contos de terror piauienses, que foram lançados no YouTube.

Cada conto é apresentado em episódios de 3 a 5 minutos, que são contadas em narrativas únicas e independentes, mas que apresentam uma coesão temática que as relaciona. Na primeira temporada, a série traz a lenda de um menino desobediente que sofre as consequências de seu mau comportamento, em “O Bode do Chifre de Ouro”, o conto da mãe desesperada ao ver a filha assombrada por uma figura desconhecida, em “As visitas” e a narrativa da garota que encontra situações assustadoras quando tenta lidar com um aluno difícil, em "O Caminhão". 

Com classificação indicativa de 10 anos, os episódios são contados a partir de histórias contadas por outras pessoas. "Dona Cida, Dedé, Laurineuza, Rogério, pessoas com medos, crenças diferentes, com olhares diversos para o sobrenatural. A Maria do Socorro da história do bode dos chifres de ouro, por exemplo, é minha avó materna. A maioria do entrevistados eram pessoas mais velhas, o que foi interessante pra gente ter mais noção de aspectos históricos e culturais da região, que se perdem com o tempo", revela Bruno.

Para contar essas história demora pelo menos três meses até ver na telinha do smartphone. "É um processo em etapas: as entrevistas, o desenvolvimento do roteiro, a gravação das vozes dos personagens, a produção das ilustrações, a animação e ainda a edição final de som e imagem. Todo etapa é feita com cuidado, acho que deve ter demorado mais ou menos uns 3 meses pra realizar tudo", afirma Bruno que tem todo um cuidado pra contar os 'causos'.

Após a publicação da primeira temporada, Bruno Paes ainda pensa em outras projetos futuros. "Tenho algumas histórias que gostaria de produzir. Algumas delas são até baseadas na cultura mais popular nordestina, e outras trazem outros temas sobre os quais eu ainda quero falar sobre. Por enquanto to trabalhando na escrita de argumentos e roteiros de outros projetos, para caso apareça uma chance, a gente possa realizar", revela.

Comentários
Cultura
  • Lateral - Vem pro parque - Home 03
  • O Boticario - Banner lateral
Teresina - PI
Atualizado às 02h06
27°
Alguma nebulosidade Máxima: 32° - Mínima: 23°
29°

Sensação

9 km/h

Vento

74%

Umidade

Fonte: Climatempo
  • Amarração Hotel (atualizado 31-07)
Podcast Momento Jurídico
  • Ban - Lateral - Momentos Cidade Junina
Facebook
Clube Notícias - Piauí, Teresina, Meio Norte, Nordeste, Parnaíba, Picos, Campo Maior, Piripiri, cotidiano, economia, política, saúde, educação e entretenimento
© Copyright 2021 - Clube Notícias - Todos os direitos reservados
desenvolvido por: Site desenvolvido pela Lenium
Envie-nos uma mensagem!WhatsApp