Política
Economia
Clube Entretenimento
Entretenimento
Concursos
Downloads
Postada em 15/06/2018 ás 09h38 - atualizada em 15/06/2018 ás 09h42
Fonte: Com informações do Cidade Verde

Sindicato dos Transportadores de carga querem revogação da tabela de fretes

Categoria diz que tabela que determina os preço mínimo dos fretes em todo o país é inviável.
Sindicato dos Transportadores de carga querem revogação da tabela de fretes
Caminhoneiros bloqueiam rodovia durante protestos. Foto: Miguel Schincariol / AFP

O presidente do Sindicato dos Transportadores de Cargas e Logística do Estado do Piauí (Sindicapi), Humberto Lopes, disse que a tabela que determina os preço mínimo dos fretes em todo o país é inviável. Ele defende que a negociação sobre os valores dos fretes deveria ficar com os próprios transportadores.

O preço mínimo dos fretes foi uma das reivindicações apresentadas ao governo federal durante as paralisações que afetaram a logística de distribuição do Brasil. Agora a categoria dos caminhoneiros quer a retirada dos preços mínimos dos fretes. 

O presidente do Sindicapi diz ainda que um dos maiores problemas é a alta carga tributária. "O mercado é livre. Tem que deixar a negociação do carreteiro com os transportadores. Não temos condições de repassar esse frete para o comerciante. Estamos com mercadorias paradas nos depósitos. Isso está inviabilizando nosso negócio", disse Lopes. 

Mesmo com o descontentamento, os transportadores não cogitam outra paralisação.

Comentários
Economia
TV Clube Notícias
Facebook
Teresina - PI
Atualizado às 23h36
29°
Alguma nebulosidade Máxima: 38° - Mínima: 23°
31°

Sensação

15 km/h

Vento

62%

Umidade

Fonte: Climatempo
  • Amarração Hotel (atualizado 31-07)
Instagram
Clube Notícias - Piauí, Teresina, Meio Norte, Nordeste, Parnaíba, Picos, Campo Maior, Piripiri, cotidiano, economia, política, saúde, educação e entretenimento
© Copyright 2020 - Clube Notícias - Todos os direitos reservados
desenvolvido por: Site desenvolvido pela Lenium
Envie-nos uma mensagem!WhatsApp