Política
Economia
Esportes
Entretenimento
Concursos
Downloads
  • Aplivativo Monitora Covid-19
  • Colegio St Marcelina
  • ITTNet
  • Grupo CEV
  • Ilhotas Padaria
Postada em 26/10/2018 ás 07h08

Justiça Federal no Piauí condena ex-prefeito por irregularidades nos recursos da Educação

Ex-gestor teria realizado despesas irregulares em desacordo com as normas do programa PEJA.
Justiça Federal no Piauí condena ex-prefeito por irregularidades nos recursos da Educação
Divulgação.

A pedido do Ministério Público Federal (MPF) no Piauí, a 1ª Vara da Justiça Federal condenou o ex-prefeito de Palmeirais, Marcos Antônio Ribeiro de Sousa Almeida, conhecido como Marcão, pela prática de improbidade administrativa cometida durante o mandato exercido entre os anos de 2005 a 2008. 

De acordo com a ação civil movida pelo procurador da República Marco Aurélio Adão, o ex-prefeito retardou e deixou de prestar contas ao Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), relativas a programas nacionais de Educação, gerando com isso inadimplência do município e restrição a novos repasses federais para a gestão que o sucedeu a partir de 2009. 

Além disso, na prestação de contas do Programa Nacional de Apoio ao Transporte do Escolar (PNATE), de 2005 e de 2006, bem como do Programa de Apoio aos Sistemas de Ensino para Atendimento à Educação de Jovens e Adultos (PEJA) de 2005, o ex-gestor teria realizado despesas irregulares em desacordo com as normas dos programas, gerando, com isso, lesão ao patrimônio público. 

O Juízo da 1ª Vara Federal julgou parcialmente procedente o pedido do MPF e condenou o ex-prefeito de Palmeirais (PI), Marcos Antônio Ribeiro de Sousa Almeida, por improbidade administrativa, às penas de: a) ressarcimento do dano no valor de R$ 139.756,03 a ser devidamente corrigido, observando como termo inicial a data da última atualização realizada pelo FNDE (21/10/2014), a ser revertido ao mesmo; b) suspensão dos direitos políticos, pelo prazo de 5 anos; c) pagamento de multa civil no valor de R$ 139.756,03 com correção a partir da atualização realizada pelo FNDE, a ser revertida ao Fundo. 

O réu recorreu da decisão no TRF da 1ª Região. 

Confira a íntegra da sentença, clique aqui!

Comentários
Educação
TV Clube Notícias
Facebook

Teresina - PI

Obtido às 06:25

24º

Min 23º Max 33º

Alguma nebulosidade

100% 4.7 km/h Fonte: Climatempo
  • Amarração Hotel
#ConselhoDoDia
Clube Notícias - Piauí, Teresina, Meio Norte, Nordeste, Parnaíba, Picos, Campo Maior, Piripiri, cotidiano, economia, política, saúde, educação e entretenimento
© Copyright 2020 - Clube Notícias - Todos os direitos reservados
desenvolvido por: Site desenvolvido pela Lenium