Política
Economia
Clube Entretenimento
Entretenimento
Concursos
Downloads
Postada em 03/06/2019 ás 08h15 - atualizada em 03/06/2019 ás 08h18

Braga Tepi, o artista por trás dos troféus da Cidade Junina

Há vinte anos, Braga Tepi trabalha com esculturas, monumentos, troféus e tudo que possa fazer o ferro ganhar movimento.
Braga Tepi, o artista por trás dos troféus da Cidade Junina
Foto: Divulgação

Nascido em Buritizinho, zona rural de Teresina, o artesão Francisco de Oliveira Braga, mais conhecido como Braga Tepi, tem um trabalho reconhecido internacionalmente. Há vinte anos, Braga Tepi trabalha com esculturas, monumentos, troféus e tudo que possa fazer o ferro ganhar movimento. Há cinco anos o artesão cria e produz os troféus que são entregues às quadrilhas campeãs do concurso da Cidade Junina, unindo tradição, modernidade e memória.

Braga foi educado em uma escola filantrópica regida pela Igreja Católica. Foi lá onde teve seu primeiro contato com arte, quando observava as freiras rabiscando desenhos em seus cadernos, o que despertou a curiosidade do menino e inspirou seus primeiros desenhos. Antes das esculturas, vieram os cartuns para fanzines que o artista produzia para o Festival Rock Teresina. Na mesma época, Braga viria a participar do Salão de Humor do Piauí. Com a chegada da era digital, como não tinha computador, o artista se afastou dos desenhos, pois não tinha como acompanhar a tecnologia.

Foi nessa época que Braga fez um curso de torneiro mecânico, prática que o fez conhecer os metais e a arte de transformá-los em verdadeiras obras de arte, entendendo as especificidades de cada peça. Depois disso, Braga Tepi passou a trabalhar incessantemente em esculturas de metais, como cobre e bronze, fazendo figuras humanas e dando movimento ao ferro. O tempo de produção de uma escultura é de, em média, quinze dias. 

Há vinte anos trabalhando como artista plástico, Braga Tepi é um dos maiores nomes artísticos do Piauí, levando suas obras para além das fronteiras do estado e do país, participando de exposições na Alemanha e Nova York. Nos últimos cinco anos, o artista é quem assina os troféus do Festival de Quadrilhas da Cidade Junina, evento que reúne milhares de quadrilheiros cheios de alegria e fôlego para competir e manter a tradição do São João nordestino. 

“O processo de produção dos troféus começa com a proposta do evento. A Cidade Junina é um dos eventos mais conhecidos no Nordeste quando o assunto é São João, então os troféus remetem a essa tradição, das quadrilhas, das roupas, dos quadrilheiros. Já fiz troféus com esculturas que remetiam ao cangaço, que tem uma história cultural muito forte também. Depois de saber a proposta, coloco o desenho no papel, vejo como vai ficar no material e passo para a escultura da mesma forma que está no papel”, conta Braga.

O artista vai produzir seis troféus para o Festival, para o primeiro, segundo e terceiro colocados, além de prêmios individuais. Christianne Alencar, organizadora do evento, ressalta que a Cidade Junina busca enaltecer não só a cultura nordestina do São João, mas fazer desse espaço um lugar de valorização dos artistas piauienses. “Essa parceria com o artista plástico Braga Tepi é mais uma forma de valorizarmos nossos artistas, o que é do nosso estado, das nossas raízes. O Braga é um dos exemplos de como nosso estado tem artistas memoráveis, que levam o nome do Piauí de uma forma brilhante para o mundo. Queremos entregar um troféu para as quadrilhas que simbolize as nossas memórias culturais, que lembre o esforço deles em participar do festival”, afirma.

O artista vai produzir seis troféus para o Festival, para o primeiro, segundo e terceiro colocados, além de prêmios individuais. Christianne Alencar, organizadora do evento, ressalta que a Cidade Junina busca enaltecer não só a cultura nordestina do São João, mas fazer desse espaço um lugar de valorização dos artistas piauienses. “Essa parceria com o artista plástico Braga Tepi é mais uma forma de valorizarmos nossos artistas, o que é do nosso estado, das nossas raízes. O Braga é um dos exemplos de como nosso estado tem artistas memoráveis, que levam o nome do Piauí de uma forma brilhante para o mundo. Queremos entregar um troféu para as quadrilhas que simbolize as nossas memórias culturais, que lembre o esforço deles em participar do festival”, afirma.

Comentários
Cidade Junina
TV Clube Notícias
Facebook
Teresina - PI
Atualizado às 07h44
28°
Nuvens esparsas Máxima: 38° - Mínima: 23°
31°

Sensação

9 km/h

Vento

70%

Umidade

Fonte: Climatempo
  • Amarração Hotel (atualizado 31-07)
Instagram
Clube Notícias - Piauí, Teresina, Meio Norte, Nordeste, Parnaíba, Picos, Campo Maior, Piripiri, cotidiano, economia, política, saúde, educação e entretenimento
© Copyright 2020 - Clube Notícias - Todos os direitos reservados
desenvolvido por: Site desenvolvido pela Lenium
Envie-nos uma mensagem!WhatsApp