Política
Economia
Clube Entretenimento
Entretenimento
Concursos
Downloads
Postada em 19/09/2019 ás 17h00 - atualizada em 20/09/2019 ás 08h56
Fonte: G1 Piauí

Invasão: justiça do Piauí determina que vereador de Água Branca tenha suas contas recuperadas

"Confirmei as informações, como todas as contas eram vinculadas, o invasor conseguiu ter acesso a tudo, inclusive aos meus e-mails, modificando as senhas e formas de acesso", explicou o vereador Ivon Lendl.
Invasão: justiça do Piauí determina que vereador de Água Branca tenha suas contas recuperadas
Tribunal de Justiça do Piauí. Foto: Gustavo Almeida/G1

O juiz Luís Henrique Moreira Rego, do Tribunal de Justiça do Piauí, determinou ao Facebook, Instagram, Microsoft e Twitter a permissão do vereador de Água Branca, Ivon Lendl recuperar sua conta após ser alvo de invasão.

"Eu recebi primeiro um link pelo WhatsApp, pedindo que eu confirmasse meu login e senha no Instagram. A partir disso, quando confirmei as informações, como todas as contas eram vinculadas, o invasor conseguiu ter acesso a tudo, inclusive aos meus e-mails, modificando as senhas e formas de acesso", explicou o vereador.

A Polícia Civil informou que, com isso, o usuário não tinha como acessar as páginas e nem a conta de e-mail vinculada aos perfis. 

“Constata-se que a vítima adotou todas as providências administrativas para a recuperação de sua conta, tendo sido impedido em seu objetivo em razão da ação do hacker que alterou inclusive o acesso da vítima aos e-mails e ao número telefônico de resgate das contas que foram invadidas, sendo assim a medida de quebra de sigilo de dados a única medida possível no momento e que se mostra apta tanto para se delinear a autoria delitiva, como também fazer cessar os prejuízos que a vítima vem sofrendo”, diz a decisão que o Portal G1 Piauí teve acesso.

O pedido foi feito pelo delegado Matheus Zanatta, gerente de polícia especializada, que solicitou a quebra de sigilo à Justiça, tanto para determinar a autoria quanto para restabelecer o acesso pelo usuário inicial. O vereador disse que a maior parte das contas foi recuperada e que os invasores ainda tentou usar o cartão de crédito vinculado às contas, mas a vítima cancelou antes.

"Fica a orientação para as pessoas não clicarem em qualquer link, para sempre buscarem a polícia, buscar ajuda, porque esse tipo de coisa pode causar um grande prejuízo, como foi meu caso. Passei dias sem minhas contas e ele ainda tentou fazer compras com meu cartão", informou.

Em nota divulgada pela Secretaria de Segurança Pública do Piauí, o delegado informou que as invasões têm aumentado e que o objetivo é a divulgação de conteúdo pornográfico.

“Nos últimos meses houve um aumento considerável do hackeamento de contas de usuários do Instagram e das contas de e-mail vinculadas ao serviço. Dentre os mais diversos propósitos, os criminosos utilizam essas contas hackeadas para promover sites adultos e atrair vítimas com spam pornográfico”, informou.

A decisão do juiz determinou ainda que a empresa prestadora do serviço de e-mail vinculado aos perfis também forneça as informações necessárias à Polícia Civil.

O G1 tentou, mas ainda não conseguiu contato com as empresas.

Comentários
Geral
  • Lateral - Vem pro parque - Home 03
  • O Boticario - Banner lateral
  • newland
Teresina - PI
Atualizado às 00h17
28°
Alguma nebulosidade Máxima: 37° - Mínima: 24°
31°

Sensação

13 km/h

Vento

70%

Umidade

Fonte: Climatempo
  • Amarração Hotel (atualizado 31-07)
Podcast Momento Jurídico
Facebook
Clube Notícias - Piauí, Teresina, Meio Norte, Nordeste, Parnaíba, Picos, Campo Maior, Piripiri, cotidiano, economia, política, saúde, educação e entretenimento
© Copyright 2021 - Clube Notícias - Todos os direitos reservados
desenvolvido por: Site desenvolvido pela Lenium
Envie-nos uma mensagem!WhatsApp