Política
Economia
Clube Entretenimento
Entretenimento
Concursos
Downloads

Inhuma

Por Redação
Postada em 14/10/2019 ás 14h58

Mais de 100 m³ de madeira sem licença ambiental foram apreendidos ontem em Inhuma (PI)

As cargas ilegais foram avaliadas em torno de R$ 24.600,00 e os responsáveis vão responder por crimes ambientais.
Mais de 100 m³ de madeira sem licença ambiental foram apreendidos ontem em Inhuma (PI)
Ação da PRF apreende mais de 100 m³ de madeira ilegal em Inhuma (PI). Foto: Reprodução/ PRF.

Na tarde de ontem (13), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu 103,0 m³ de madeira serrada sem licença ambiental válida para o transporte após abordagem de dois veículos de carga na BR 316 no município de Inhuma (PI), que fica a 245 km ao sul da capital. 

O crime ambiental foi identificado após os policiais solicitarem aos condutores a documentação ambiental referente as cargas. Em todos os casos, a documentação ambiental estava incompleta ou não existia. As cargas foram avaliadas em torno de R$ 24.600,00 e eram originárias do município de Medicilândia (PA) com destino à Viçosa (AL), de acordo com os condutores.  

As empresas proprietárias dos veículos e das cargas foram enquadradas no Art. 46 da Lei Nº 9.605/98 de crimes ambientais. As cargas de madeira juntamente com os veículos foram encaminhados ao Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA) e encontram-se na cidade de Picos (PI) para os encaminhamentos devidos. Os condutores ainda podem responder por uso de documento falso.

Comentários
Cidades
Facebook
Teresina - PI
Atualizado às 05h24
24°
Muitas nuvens Máxima: 30° - Mínima: 22°
24°

Sensação

8.9 km/h

Vento

94%

Umidade

Fonte: Climatempo
  • Amarração Hotel (atualizado 31-07)
Instagram
  • banner lateral - 07-12 vem pro parque
Clube Notícias - Piauí, Teresina, Meio Norte, Nordeste, Parnaíba, Picos, Campo Maior, Piripiri, cotidiano, economia, política, saúde, educação e entretenimento
© Copyright 2021 - Clube Notícias - Todos os direitos reservados
desenvolvido por: Site desenvolvido pela Lenium
Envie-nos uma mensagem!WhatsApp