Política
Economia
Clube Entretenimento
Entretenimento
Concursos
Downloads

Teresina

Por Redação
Postada em 17/05/2019 ás 11h22
Fonte: Com informações da Assessoria Da Fundação Munincipal de Saúde de Teresina

UPA do Promorar presta quase 40 mil atendimentos médicos de urgência e emergência

O sistema de cores auxilia na resolutividade das UPAs

Os casos de urgência e emergência em Teresina têm sua resolutividade garantida graças às Unidades de Pronto Atendimento (UPA), serviços intermediários entre as Unidades Básicas de Saúde e os Hospitais. Na zona Sul, a população conta com a UPA do bairro Promorar, que somente no primeiro trimestre de 2019 prestou quase 40 mil atendimentos médicos.

Nos meses de janeiro, fevereiro e março desde ano, a unidade realizou 39.094 atendimentos médicos, sendo 24.463 atendimentos clínicos, 10.771 na área de pediatria e 3.860 atendimentos cirúrgicos. Este número supera o de 2018, que no mesmo período contou com um total de 35.184 atendimentos médicos, sendo 22.817 na área clínica, 8.575 na área pediátrica e 3.792 na área cirúrgica. “Pudemos observar um aumento nos atendimentos pediátricos, que acontecem devido à sazonalidade, o aumento em doenças comuns nesta época do ano”, explica o diretor.

“As UPAs trabalham com o sistema de classificação de risco, em que o paciente é não é atendido por ordem de chegada e sim de acordo com a gravidade do problema, em casos que são identificados por cores. Ou seja, dependendo da cor eles se tornam prioridade ou não”, explica Danilo Soares. No primeiro trimestre de 2019, o maior número de atendimentos foram os do tipo verde, considerados pouco urgentes, com 26.485 atendimentos. As maiores queixas dos pacientes foram de sintomas como febre, dor abdominal, dor de cabeça e vômitos.

Os casos de emergência são os de cor vermelha, que são internados em uma sala especial que conta com sete leitos. Os casos de cor amarela, que requerem atendimento médico de urgência, são internados em uma sala que conta com oito leitos adultos e sete pediátricos. O sistema de cores auxilia na resolutividade das UPAs, e a avaliação para classificação é a primeira coisa a ser feita quando um paciente chega e recebe socorro. Após a estabilização, o paciente deve ser transferido pela regulação do SUS para os hospitais do município para dar continuidade no tratamento, ou recebe alta e volta posteriormente para reavaliação e verificação da resposta à medicação, que pode ser administrada em casa.

A UPA realiza ainda procedimentos como medição de pressão arterial, raio x, exames laboratoriais, suturas, curativos, administração de medicação, inalação e atendimento de urgência odontológico. No primeiro trimestre de 2019, foi realizado um total de 111.257 procedimentos, sendo que aquele com maior número é administração de medicamento, executada 37.216 vezes.

Comentários
Saúde
  • Lateral - Vem pro parque - Home 03
  • O Boticario - Banner lateral
Teresina - PI
Atualizado às 15h28
32°
Muitas nuvens Máxima: 32° - Mínima: 22°
32°

Sensação

13 km/h

Vento

41%

Umidade

Fonte: Climatempo
  • Amarração Hotel (atualizado 31-07)
Podcast Momento Jurídico
  • Ban - Lateral - Momentos Cidade Junina
Facebook
Clube Notícias - Piauí, Teresina, Meio Norte, Nordeste, Parnaíba, Picos, Campo Maior, Piripiri, cotidiano, economia, política, saúde, educação e entretenimento
© Copyright 2021 - Clube Notícias - Todos os direitos reservados
desenvolvido por: Site desenvolvido pela Lenium
Envie-nos uma mensagem!WhatsApp