Política
Eleições 2018
Economia
Esportes
Entretenimento
Concursos
Postada em 19/04/2018 ás 13h47 - atualizada em 19/04/2018 ás 20h44
Fonte: com informações do Estadão

Deputados que votarão 'privatização' da Eletrobras são os mesmo que fazem indicações para direção das empresas

Prestes a votarem pela 'privatização', deputados se contradizem sobre indicação para Eletrobras Piauí
Deputados que votarão 'privatização' da Eletrobras são os mesmo que fazem indicações para direção das empresas
Deputados Rodrigo Martins e Atila Lira.

Os mesmos parlamentares que terão de aprovar no Congresso o projeto de privatização da Eletrobrás têm motivos para serem contrários à venda da estatal, já que exercem influência nas subsidiárias locais da companhia, diz o diz o diretor do Centro Brasileiro de Infraestrutura (CBIE), Adriano Pires. “No fundo, essas empresas já estão privatizadas há muito tempo pelos políticos e sindicatos. Eles têm usado e abusado dessas companhias ao longo de anos.” 

Para Pires, os parlamentares que questionam o modelo de venda da Eletrobrás, na verdade, buscam justificativas para adiar o processo. “É algo mais sutil, mas, no fundo, são argumentos sofisticados usados por quem é contrário.” Cargos em estatais, diz ele, dão poder político, econômico, status e voto. 

A influência política em estatais cria situações anacrônicas. De acordo com o ex-diretor da Aneel Edvaldo Alves de Santana, houve momentos em que a Celg-D deixou de pagar encargos setoriais e fornecedores, mas mantinha patrocínios esportivos e culturais. Nessa época, a distribuidora pertencia à Eletrobras e ao governo goiano. No fim de 2016, a empresa foi vendida para a italiana Enel. “A influência política é uma das principais fontes de ineficiência do setor elétrico brasileiro”, diz Santana, hoje presidente da Associação Brasileira dos Grandes Consumidores de Energia (Abrace).

   Foto: MARCOS ARCOVERDE | ESTADÃO CONTEÚDO

O presidente da consultoria Thymos Energia, João Carlos Mello, atuou por 18 anos no Centro de Pesquisas de Energia Elétrica (Cepel), vinculado à Eletrobrás. Segundo ele, os apadrinhados não necessariamente favorecem desvios, mas priorizam ações que valorizem o político. Um dos exemplos é a antecipação de obras sem urgência e que rendam votos. “São coisas pequenas, mas o somatório é ruim.”

Outro lado. Em nota, a Eletrobrás informou que os presidentes de todas as subsidiárias da companhia foram substituídos desde que Wilson Ferreira Jr. assumiu a presidência da empresa, em julho de 2016, além de boa parte dos diretores e conselheiros. Segundo a empresa, todas as nomeações seguiram as normas da Lei das Estatais. 

“Quanto aos atuais presidentes, todos têm origem no setor elétrico e muitos são empregados de carreira das empresas Eletrobrás”, informou a empresa. “No que diz respeito às indicações políticas, há que se considerar que o acionista majoritário da Eletrobras é a União. Em última instância, é ela, portanto, quem indica os dirigentes.” 

Deputados do Piauí se contradizem

A reportagem do Estadão consultou todos os deputados e senadores citados como padrinhos políticos. O deputado Sérgio Souza (MDB-PR) disse que a indicação do diretor de Itaipu foi de toda a bancada do partido no Paraná. O deputado Átila Lira (PSB-PI) disse que a indicação do executivo da Eletrobrás Distribuição Piauí foi da bancada estadual. Rodrigo Martins (PSB-PI) negou a indicação.

A Marinha, o senador Valdir Raupp (MDB-RO) e o deputado Marx Beltrão (PSD-AL) negaram ter indicado executivos para a Eletrobrás. Os senadores Flexa Ribeiro (PSDB-PA), Gladson Cameli (PP-AC), Omar Aziz (PSD-AM), Romero Jucá (MDB-RR), Dario Berger (MDB-SC) e o ex-senador José Sarney (MDB-AP) não responderam. 

Comentários
Política
TV Clube Notícias
Facebook

Teresina - PI

Obtido às 01:36

24º

Min 22º Max 34º

Parcialmente nublado

6:2 am 5:53 pm 71% 6.44 km/h
RAPIDINHAS
Postada em 11/05/2018 ás 08h38

O Piauí é um dos estados que apresentaram maior crescimento nos gastos com a previdência de servidores, entre 2005 e 2016. Os dados, divulgados por Estadão, são de um levantamento realizado pelo economista piauiense Raul Velloso. O estudo aponta ainda que neste período, os gastos dos estados - na média - cresceram até 111%, chegando aos R$ 163 bilhões no último ano. Além do Piauí, Sergipe e Santa Catarina também registraram aumentos consideráveis nos gastos com a previdência. Os dados completos do estudo serão apresentados em um fórum nacional nesta quinta-feira (10).

Postada em 09/05/2018 ás 08h26

Não houve acertadores para as seis dezenas do concurso 2.038 da Mega-Sena, realizado nesta noite (8), em Maravilha (SC). As dezenas sorteadas foram: 06 – 25 – 26 – 35 – 38 - 40. O prêmio estimado era de R$ 28 milhões. A estimativa de prêmio do próximo concurso, que ocorre na próxima quinta-feira (10), é distribuir R$ 30 milhões. A Quina teve 28 apostas ganhadoras, e cada um vai levar R$ 65.960,70. Outras 2.768 pessoas ganharam na Quadra, com prêmio de R$ 953,18 para cada.

Postada em 06/03/2018 ás 09h53

Há exatos 5 anos, no dia 6 de março de 2013 morreu o cantor e compositor da banda Charlie Brown Jr, Chorão. Fãs prestam homenagem na Internet ao ídolo.

Postada em 22/02/2018 ás 10h20

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) atualizou, nesta sexta-feira (16/02), os dados do setor de planos de saúde que são disponibilizados para consulta na Sala de Situação. Os números relativos a janeiro confirmam a tendência de estabilidade que vinha sendo observada ao longo de 2017, com leve crescimento tanto no comparativo mensal como no comparativo dos últimos 12 meses. São 47,4 milhões de beneficiários em planos médico-hospitalares no país, 119,5 mil a mais que o número registrado em dezembro e cerca de 64 mil a mais em relação a janeiro do ano passado.

Postada em 22/02/2018 ás 10h19

Com o objetivo de supervisionar e assegurar o exercício legal da profissão, o Conselho Regional de Administração do Piauí (CRA-PI) realizou a fiscalização em 75 empresas no último ano. Ao todo, foram arrecadados mais de R$ 12 mil em multas aplicadas.

Clube Notícias - Piauí, Teresina, Meio Norte, Nordeste, Parnaíba, Picos, Campo Maior, Piripiri, cotidiano, economia, política, saúde, educação e entretenimento
© Copyright 2018 - Clube Notícias - Todos os direitos reservados
desenvolvido por: Site desenvolvido pela Lenium